Caro leitor

Este blog é a fiel expressão da minha visão de mundo.

Acredito na ideia do todo, onde todos somos um e que minhas atitudes, minha forma de pensar geram energias que refletem na existência do outro. Daí a importância de estarmos sempre na frequência do bem, dos bons pensamentos, vibrando sempre na frequência de Luz. Estamos em aprendizado e as falhas, as tentações, deslizes ao retrocesso estão conjugados ao nosso Ser. Devemos estar atentos aos nossos pensamentos, atitudes e tipo de energia que emitimos e expandimos para o Universo. Espero que os textos que escrevo e os de outros autores que aqui publico,possam acrescentar algo de construtivo para os que lerem.

(Hilda Stein)

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

PRECISAMOS ACEITAR ESTA VERDADE: O DIVINO HABITA EM NÓS

foto net
“Estamos compostos de duas naturezas perfeitamente distintas: de um corpo que nos é comum com os animais, e de um Espírito que nos é comum com os Deuses.Porém, uns inclinam-se para o primeiro parentesco, se assim se pode dizer, parentesco desditoso e morto, e outros se inclinam para o segundo, para o feliz e divino. Daí que uns pensam nobremente , enquanto outros- a imensa maioria- não concebem mais que pensamentos baixos e indignos. Em relação a mim, quem sou eu? Um pobre infeliz; e estas carnes que compõem meu corpo? Algo enfermo e miserável. Porém algo existe em mim, muito mais nobre que esta carne . Por que, apartando-me daquele tão elevado princípio, dar ao baixo, à carne, tanta importância? Aqui está a vereda pela qual se deixa resvalar a quase totalidade dos homens; e aqui porque se encontra entre eles tantos monstros, tantos lobos, tantos leões, tantos tigres e tantos porcos. Tem cuidado, pois, e procura não aumentar o número dos brutos.” (Epícteto)
Centelha Divina somos, o Divino habita em nós, por que não acreditarmos nesta verdade?
Por que insistimos em viver brutalmente semeando pensamentos e sentimentos indignos de seres tão especiais o quão somos. Por que insistimos em alimentar nossos instintos animais desprezando o nosso lado Divino?
Por que damos valor a este mundo efêmero e não nos importamos nem um pouco com o mundo eterno?
Porque incutimos na nossa mente o sofrimento, achando-o necessário para a evolução, se estamos aqui para semear a felicidade?
Pobre de nós, se não despertarmos para a nossa verdadeira e real essência, ficaremos vidas e mais vidas tal qual um cão que não sai do lugar tentando morder o próprio rabo...