Caro leitor

Este blog é a fiel expressão da minha visão de mundo.

Acredito na ideia do todo, onde todos somos um e que minhas atitudes, minha forma de pensar geram energias que refletem na existência do outro. Daí a importância de estarmos sempre na frequência do bem, dos bons pensamentos, vibrando sempre na frequência de Luz. Estamos em aprendizado e as falhas, as tentações, deslizes ao retrocesso estão conjugados ao nosso Ser. Devemos estar atentos aos nossos pensamentos, atitudes e tipo de energia que emitimos e expandimos para o Universo. Espero que os textos que escrevo e os de outros autores que aqui publico,possam acrescentar algo de construtivo para os que lerem.

(Hilda Stein)

Google+ Followers

terça-feira, 24 de março de 2015

ORAÇÃO

Foto net


Pai ensina-me o sentido da vida.
Permita que eu enxergue a tua luz e trilhe o caminho do bem.
Conceda-me através do teu amor, o entendimento necessário para tolerar as adversidades.
Permita que eu enxergue os espinhos de uma rosa, sem deixar de valorizar a beleza de suas pétalas.
Desperte em mim a generosidade, para que eu consiga entender a ignorância dos que não enxergam a tua Luz.
Amanse o meu coração para lidar com os mais frágeis.
Desperte-me a consciência de ser uma partícula de transformação na humanidade.
Ensina-me a lutar bravamente contra os inimigos que em mim habitam, assim como o orgulho, vaidade, inveja, intolerância...E todos aqueles que vendam os meus olhos para a verdade.
Não permita que eu perca a noção da minha verdadeira essência.
Ajude-me a despertar a pureza e a ingenuidade da criança que adormece em meu ser.
Dê-me discernimento para vestir a capa da verdadeira humildade e reconhecer meus erros.
Retire de mim a arrogância disfarçada de sabedoria.
Acolhe-me em teus braços fazendo da tua essência a minha morada.
Ensina-me o sentido verdadeiro do perdão.
Não permita que eu me perca pelas veredas da vaidade, iludida pela beleza do verbo.
Guia os meus passos para que eu pratique verdadeiramente teus ensinamentos.
Dê-me forças para suportar a dor do crescimento
E sabedoria para entender as provas necessárias para a minha evolução.
Ajude-me a encontrar o equilíbrio no momento de turbulência,
Conceda-me a magia de sonhar sem tirar meus pés do chão
Permita que eu enxergue a luz no interior de cada ser,
Que eu jamais esqueça o senso de justiça.
E afaste-me do vício de julgar o próximo.
Dê-me a capacidade de expandir o perfume e a beleza dos teus ensinamentos,
Para que eu possa desabrochar assim como os lírios,
Com o propósito de ornamentar e perfumar os verdes campos da vida.

domingo, 15 de março de 2015

Vamos protestar sim, mas não como fantoches!


Hoje eu fui para a rua, ciente de que existem classes manipuladoras e dominantes, não fui como um fantoche e sim como cidadã com o direito de expressar minha insatisfação perante o desgoverno e ao caos que estamos vivendo. Temos força suficiente para impormos nossos direitos, temos que lutar para garantir a dignidade da pessoa humana como consta nos direitos fundamentais da nossa Constituição Federal.
Longe de estar conivente com a ditadura militar ou com a posse de pessoas mal intencionadas no poder.
Estou assistindo muita gente pedindo intervenção militar, mas não devemos esquecer de que o país também vivia em crise nesta época e não tínhamos liberdade de expressão, não podíamos nem pensar em exercer nossa cidadania e sim obedecer a um regime que também ostentava o poder.
A minha causa é esta, reforma política já!
Para exercer um cargo político tem que ter nível superior em ciências políticas e ocupar o cargo como qualquer outro servidor, sem regalias!
Político não é celebridade e sim um servidor público!
Devemos agir no micro( em nossas próprias vidas), policiando nossas atitudes de querer levar vantagem em tudo.
Não devemos esquecer que também somos governantes do nosso corpo e das nossas ações. Como podemos exigir perfeição no macro, se não valorizamos nem o corpo que possuímos e estamos a todo o momento agindo de forma egoísta, só pensando no nosso próprio umbigo.
Como podemos exigir ordem no macro se não somos capazes de administrar nossa própria casa, nossa própria família, se não temos disciplina na nossa rotina?
Não podemos exigir dos nossos governantes atitudes que não temos na nossa vida que depende somente da nossa vontade e organização.
Não podemos exigir dos nossos governantes humildade, se não somos humildes para admitirmos nossas falhas.
Para haver conquistas no macro devemos estabilizar e equilibrar o micro.
Se não temos autoridade nem com os nossos filhos, como podemos pensar em ter autoridade para exigir um governo melhor?
Transferir responsabilidades é muito mais cômodo do que assumi-las.
E esse é o maior problema que estamos atravessando, queremos soluções imediatas, mas não fazemos se quer a nossa parte para melhorarmos o micro em que vivemos.

quarta-feira, 11 de março de 2015

O CHATO




Faz alguns anos, Oswaldo Montenegro compôs uma musica que falava dos chatos, personagens constante em nossa vida.
Millôr Fernades também fez referência a estes protagonistas escrevendo: “Chatos...Indivíduo que tem mais interesse em nós do que nós temos nele.”
O chato é aquele que sabe sempre de tudo, é o dono da verdade.
Quando você está cantando ele canta junto.
Ao telefone você diz que está ocupado e ele continua falando, você insiste dizendo que precisa desligar, mas a mensagem é despercebida.
O chato tem sempre uma sugestão sem que você peça opinião.
Faz questão de explicar a piada sem graça entendida por todos.
Quando você tem um problema, ele tem sempre um problema maior para contar impedindo que você desabafe.
A dor dele é sempre maior do que a sua.
Adora contar filmes e o pior é que conta inclusive o final.
Não consegue falar com você sem tocar.
O excesso de gentileza desnecessária é marca registrada de algum deles, são pegajosos e carentes ao extremo. Mas devemos lembrar que são pessoas e merecem nossa atenção.
A verdade é que todos nós temos nosso momento de chatice, mas só observamos a chatice alheia, isso porque nosso inconsciente insiste em achar que somos perfeitos e não temos defeitos. Tudo o que foi mencionado como defeitos do “chato” está também dentro de nós e podemos corrigi-los.
E jamais devemos esquecer que as pessoas que muito nos incomodam, são necessárias para o nosso crescimento.

terça-feira, 3 de março de 2015

Carpe diem




Carpe diem é uma expressão em latim citada no poema de Horácio, poeta e filósofo romano, significando colha o dia ou aproveite o momento.

Se pararmos para refletir sobre o assunto, notaremos que as pessoas preocupam-se sempre com o que vem depois e raramente com o que estão vivendo no agora.
Dia desses cheguei num mercadinho perto da minha casa e pedi uma grade de ovos, a dona do mercado me disse que o preço do ovo havia abaixado, eu comemorei efusivamente, pois não é comum a queda de preços. Diante ao meu entusiasmo a mulher me alertou: “ Não fique tão contente, porque na hora que aumentar será um desastre”. Eu não acreditei no que estava ouvindo e não me contive em corrigir o sentimento negativo daquela criatura, respondendo: “Quando o preço aumentar a gente sofre, mas agora vamos comemorar, porque não sabemos nem se estaremos vivas quando isso acontecer!”

Normalmente é assim que as pessoas encaram a vida, estão sempre preocupadas no que está por vir e não vivem o presente, não valorizam as boas coisas que acontecem.
Se pararmos para pensar que o universo existe há cerca de 15 bilhões de anos e a nossa média de existência é de 80 anos, chegaremos a conclusão de que a nossa vida não passa de um suspiro. E se não aproveitarmos cada momento desse suspiro, nada viveremos.

Momentos são instantes únicos que não voltam, não devemos desperdiçá-los com preocupações futuras.
O que está para acontecer não importa, viver o momento é a chave da vida.
A única certeza desta vida é que um dia partiremos, só não sabemos quando, então não há lógica deixarmos de viver o agora com a preocupação do futuro, porque este pode nem chegar.

Se você até hoje, nunca parou para refletir sobre isto, ainda dá tempo, viva o agora porque o amanhã poderá não existir.