Caro leitor

Este blog é a fiel expressão da minha visão de mundo.

Acredito na ideia do todo, onde todos somos um e que minhas atitudes, minha forma de pensar geram energias que refletem na existência do outro. Daí a importância de estarmos sempre na frequência do bem, dos bons pensamentos, vibrando sempre na frequência de Luz. Estamos em aprendizado e as falhas, as tentações, deslizes ao retrocesso estão conjugados ao nosso Ser. Devemos estar atentos aos nossos pensamentos, atitudes e tipo de energia que emitimos e expandimos para o Universo. Espero que os textos que escrevo e os de outros autores que aqui publico,possam acrescentar algo de construtivo para os que lerem.

(Hilda Stein)

Google+ Followers

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

UM HOMEM COMUM EXERCENDO BRILHANTEMENTE SUA FUNÇÃO

Podemos constatar o caos, quando um juiz que exerce nada a mais do que a sua função, apurando ilegalidades e condenando os que teriam por obrigação zelar pela dignidade do povo e agiram inescrupulosamente levando o país à falência, passa a ser endeusado e vira herói!
Admiro muito a coragem do juiz Sergio Moro por enfrentar uma quadrilha que se instaurou no país desde os tempos remotos, mas o que ele está fazendo não é nada de extraordinário e sim o que qualquer cidadão de bem deve fazer, zelar pelo o que é correto.
O que me preocupa é essa expectativa desenfreada com sua imagem, fazendo de um homem comum um Deus, o que pode gerar decepções quando este, dentro da condição humana, vier cometer alguma falha.
Temos que parar de procurar um salvador da pátria e entender que o juiz não é um Deus e sim um homem sensato fazendo o seu trabalho como deve ser feito.
Ele está desempenhando a sua função brilhantemente, mas sozinho não será capaz de mudar uma nação.
O que precisamos entender é que assim como o juiz, nós temos que rever nossos conceitos e posturas diante a fatos que parecem pequenos, mas que contribuem para uma real mudança.
Substituir o verbo pela ação, cessar os julgamentos e corrigir nossas atitudes para que haja realmente a mudança desejada.
O Juiz Sergio Moro deve servir de exemplo a ser seguido por seu trabalho digno. É esta a postura que devemos adotar no nosso dia a dia.
Juntos, sem eleger um salvador da pátria, temos força para mudar o planeta!

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

IMPREVISIBILIDADE DA VIDA





Tudo vai muito bem ou tudo vai muito mal, não importa, nada é para sempre. A imprevisibilidade da vida não permite que um dia seja igual ao outro.
Está tudo tranquilo até que um fato pode mudar radicalmente todo o panorama.
O resultado de um exame de rotina quando acusa uma anormalidade grave em seu organismo, por mais equilibrado que você seja, irá abalar sua estrutura.
Uma gravidez inesperada, a perda de um ente querido, uma proposta de trabalho ou uma demissão, aprovação em um concurso, um prêmio milionário na loteria, um animal que atravessa inesperadamente na frente do seu carro causando um acidente, uma queda que te deixa impossibilitada de prosseguir com os planos traçados, fenômenos da natureza que causam estragos repentinos, enfim, a vida pode mudar de uma hora pra outra, sem aviso prévio, situações que hoje trazem um peso astronômico, amanhã podem pesar como uma pluma. Então por que alimentar discórdia, picuinhas, guardar mágoas, se tudo passa?
Diante a esta imprevisibilidade, não dá para deixar passar as oportunidades, não se pode deixar para fazer depois o que pode ser feito imediatamente, amanhã pode ser tarde demais.
Não se pode viver no amanhã, o momento de realizar é hoje.
Não deixe de dizer eu te amo para pessoa amada, porque amanhã ela pode não estar mais presente fisicamente.
Não deixe de comer o que gosta hoje, amanhã sua saúde pode não permitir que você coma.
Não deixe realizar seu sonho de saltar de uma asa delta se tiver oportunidade, lembre-se da imprevisibilidade da vida, outro dia pode ser que não seja mais possível!
Não carregue remorsos por não ter realizado e sim a experiência de ter vivido, mesmo que não tenha dado certo.
A vida é um constante movimento, quem fica inerte não vive, vegeta.