Caro leitor

Este blog é a fiel expressão da minha visão de mundo.

Acredito na ideia do todo, onde todos somos um e que minhas atitudes, minha forma de pensar geram energias que refletem na existência do outro. Daí a importância de estarmos sempre na frequência do bem, dos bons pensamentos, vibrando sempre na frequência de Luz. Estamos em aprendizado e as falhas, as tentações, deslizes ao retrocesso estão conjugados ao nosso Ser. Devemos estar atentos aos nossos pensamentos, atitudes e tipo de energia que emitimos e expandimos para o Universo. Espero que os textos que escrevo e os de outros autores que aqui publico,possam acrescentar algo de construtivo para os que lerem.

(Hilda Stein)

Google+ Followers

quarta-feira, 7 de maio de 2014

COTAS PARA NEGROS EM CONCURSOS PÚBLICOS



Cotas para negros em concursos públicos
A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado aprovou por unanimidade, nesta quarta-feira (7), o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 29/2014, que reserva 20% das vagas oferecidas em concursos públicos federais a candidatos negros e pardos. A proposta foi apresentada pelo Poder Executivo e aplica a reserva de vagas a órgãos da administração pública federal, autarquias, fundações, empresas públicas e sociedades de economia mista controladas pela União. (Fonte: Agência Senado)

Será que o Brasil é um País que não é racista?
Pois esta é a maior prova de racismo velada, contrariando os objetivos fundamentais declarados na Constituição Federal que almeja promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo,cor,idade e quaisquer outras formas de discriminação e que garante que todos somos iguais perante a lei...
É um verdadeiro absurdo que um processo seletivo, o qual se avalia a capacidade de conhecimento de um candidato, beneficie um grupo pelo tom da pele. É admitir descaradamente que o racismo impera neste país.
Em pleno século 21, ainda se aplica essa vergonha de diferenciar pessoas por tom de pele, alegando que a raça negra é menos beneficiada. Esta afirmação não passa de projeção piegas de uma política podre da qual se fortalece por incutir essa mediocridade na mente das pessoas, reforçando ainda mais a exclusão.
Nosso país não precisa de cotas para negros nas universidades e nem em concursos públicos e sim resgatar a dignidade que todos temos direito por meio de uma política séria e responsável beneficiando todos e não intitulando minorias.
Precisamos ter a consciência de que todos somos iguais e que raça só existe apenas uma: A Humana!